Novo presidente da ACIG Guaratuba afirma que irá dar voz aos comerciantes

pefeito guaratuba face

O presidente eleito para a próxima gestão na Associação Comercial e Empresarial de Guaratuba (ACIG), Luiz Antonio Michaliszyn Filho, afirma que irá trabalhar para dar voz aos comerciantes do município do litoral do Paraná. Ele também quer organizar a atuação política da entidade para reivindicar interesses dos empresários junto ao poder público. “Antes, havia manifestação dos comerciantes da região, mas eram isoladas. Queremos planejar a nossa atuação política para representar melhor os empresários e fazer com que eles sejam ouvidos”, disse Michaliszyn. “Vamos acompanhar projetos de lei que interferem no comércio e participar dos conselhos municipais”.

O jantar de posse da nova diretoria da ACIG Guaratuba está marcado para o dia 29 de junho, às 20h30, no Restaurante Bom Apetite.

Luiz Antonio Michaliszyn Filho é empresário dos setores de ensino superior e advocacia. Está no associativismo desde 2004. Na associação comercial, foi diretor jurídico por muitos anos.

Como presidente, conta que também quer os dirigentes da entidade compreendem a função da ACIG na região. “O Sebrae dará a capacitação sobre o papel da entidade no contexto da sociedade local. A ideia é aperfeiçoar a atuação da ACIG”, conta Michaliszyn. “Estou satisfeito com as reuniões que já tivemos até aqui. Dirigentes e comerciantes estão envolvidos, todos estão com vontade de trabalhar. É gratificante”.

Luiz Antonio Michaliszyn Filho assume no lugar de Vilma Bianchi. A empresária trabalha com monitoramento eletrônico e está no associativismo desde criança. “Eu estava sempre com o meu pai e acompanhei sua trajetória no associativismo”, relembra ela.

Vilma Bianchi foi presidente da ACIG Guaratuba de 2014 a 2016. Antes, foi vice-presidente e diretora financeira da entidade. Entre as principais ações realizadas em sua gestão, ela destaca a parceria com o Sicoob para oferecer crédito para os associados, a inauguração de uma agência da Junta Comercial do Paraná dentro da ACIG e a oferta do Certificado Digital para os empresários. “Ser presidente de uma associação não é uma tarefa fácil porque trabalhamos com recursos limitados, por isso foi um aprendizado”, conta Vilma Bianchi. “Mesmo fora da presidência, acredito que posso continuar contribuindo com o associativismo e com a nova gestão, que, tenho certeza, fará um ótimo trabalho”.