Faciap e Aciqi pedem que Governo do Estado mantenha PM em Quedas do Iguaçu

reunião rossoni1

A Faciap, Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná, e a Aciqi, Associação Comercial e Empresarial de Quedas do Iguaçu, entregaram nesta terça-feira (03) ao secretário-chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, um ofício pedindo medidas de segurança do Governo do Estado no município de Quedas do Iguaçu, no sudoeste do Paraná, onde, neste mês, houve confrontos com integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST).

O ofício foi entregue, durante reunião com Rossoni, pelo presidente da Aciqi, Reni Fernande Felipe. O documento pede ações do Governo do Estado para manter a segurança e a integridade patrimonial das residências e estabelecimentos comerciais do município e a permanência da Polícia Militar no local.

reunião rossoni2

Também participaram da reunião na Casa Civil nesta terça-feira a chefe de gabinete da Faciap, Ana Remowicz, o presidente eleito da Aciqi, João Comann, o prefeito de Jacarezinho, Sérgio Emydio de Faria, e o deputado estadual Bernardo Carli.

O clima é tenso na região desde julho de 2014, quando a fazenda de reflorestamento da Araupel foi invadida por centenas de famílias. Segundo a Araupel, desde o início das invasões em Quedas do Iguaçu, a fábrica já perdeu dois terços de terras devido a questões agrárias.