Estratégias para o desenvolvimento dos municípios são discutidas em seminário em Toledo

Silvio Barros

Cerca de 200 participantes reuniram-se em Toledo nesta sexta-feira (8) no 1º Seminário de Desenvolvimento Econômico Local, no campus da PUCPR. O propósito foi  mobilizar as lideranças de Toledo e região e ampliar o debate sobre o planejamento estratégico dos conselhos municipais do desenvolvimento econômico para que se tornem ferramentas de crescimento nos municípios.

Entre os convidados estava o ex-prefeito de Maringá e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano do Estado, Silvio Barros. Ele abordou sobre a visão e a estratégia estadual com os conselhos municipais de desenvolvimento econômico. Entre outros assuntos, relatou a experiência do Conselho de Desenvolvimento de Maringá (Codem), criado há mais de 20 anos, e que promoveu grandes transformações no perfil do município.

Silvio Barros destaca que a experiência do Codem, de Maringá, mostra que o planejamento cabe à sociedade civil organizada. “Cabe às entidades que são legítimas representantes da comunidade, discutir, debater e analisar o caminho futuro para que o poder público possa tomar decisões que não venham a sequestrar o futuro das cidades. Ao contrário, é fundamental ser pró-ativos para que venham a construir uma solução melhor do que temos hoje.”

Debatedores, entre eles, o presidente da Faciap, Marco Tadeu Barbosa (ao centro)

Em seu entendimento, o poder público de modo geral trabalha com um horizonte de quatro anos, fazendo aquilo que o prefeito se comprometeu com a população. Porém, as cidades têm vida muito mais longa e existem ações que precisam ser feitas as quais vão produzir frutos talvez com 10 ou 20 anos. Segundo o secretário, o planejamento de longo prazo não tem a ver com decisões que serão tomadas lá na frente, mas sim com as consequências das decisões tomadas hoje. “Se não pensarmos a longo prazo e trazer essas demandas para a realidade atual, seremos atropelados por um futuro que teoricamente é conhecido, mas não nos preparamos para enfrentá-lo.”

Mobilização

De acordo com o presidente do Comdet, Cezar Antônio Césaro, o evento superou a expectativa e chamou a atenção sobre a importância da criação e atuação dos conselhos de desenvolvimento nos municípios. “Foi um evento inédito para o Comdet, para Toledo. Não imaginávamos que alcançaria número tão expressivo de participantes e tivemos palestrantes e debatedores de alto gabarito compartilhando experiências. Creio que teremos muitos frutos na direção do desenvolvimento planejado e sustentável de nossas cidades”, frisa.

Para o presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap), Marco Tadeu Barbosa, o evento em Toledo foi um marco importante e já se pensa em realizar encontros similares em outras regiões do Paraná. “Tivemos lideranças de várias regiões do estado e também do Mato Grosso do Sul, o que nos deixa motivados. Não é por acaso que acontece em Toledo, que é uma referência, com seus indicadores impressionantes. Precisamos sensibilizar a sociedade civil, os empresários para que participem dos conselhos de desenvolvimento, pois é impossível falar em crescimento se não houver o envolvimento da sociedade. Não basta cobrar o poder público, é preciso deixar de ser coadjuvante para ser protagonista desta história nos municípios”, frisa.

Debatedores

O evento teve três painéis, com a participação de João Ricardo Tonin, economista de Maringá, e Dimas Bragagnolo, da Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu; Claudio Tedeschi,  presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina,   Gilmar Piolla, o secretário de Turismo, Indústria e Comércio de Foz do Iguaçu: José Carlos Valêncio, do CODEM de Maringá, e Marcelo Zuin, do CODESC, de Cianorte. Entre os participantes estiverem presentes prefeitos, ex-prefeitos, representantes de entidades como Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), integrantres dos conselho de desenvolvimento da região Oeste, Norte, Noroeste e Sudoeste do Paraná, entre outros.

O seminário foi organizado pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico de Toledo (Comdet), Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap) e da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do  Oeste do Paraná (Caciopar), em parceria com a Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit)e o Sebrae. O apoio é do Programa Oeste em Desenvolvimento (POD) e Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), campus de Toledo.

Fonte: assessoria de imprensa ACIT